Blog, SEO,

SEO On-page e Off-page: entenda as diferenças

Por Ana Paula Agostini em 28 de junho de 2019
Leitura de 5 minutos
Avalie este artigo:

Quem trabalha com marketing de conteúdo sabe que, quando se trata de SEO – seja SEO On-page ou Off-page –, as regras do jogo mudam com frequência.

Sempre ficamos sabendo das grandes mudanças (já passamos pelo Panga, Penguin, Hummingbird e Pigeon), mas pequenos ajustes são feitos semanalmente.

Produzir artigos com uma grande densidade da palavra-chave já não é suficiente para garantir um ranqueamento, e cada vez mais precisamos pensar nos esforços de SEO como um guarda-chuva de estratégias.

Neste artigo vamos falar sobre as diferenças e alguns pontos chaves de SEO On-Page e Off-Page. Vamos lá?

Por que se preocupar com SEO?

Pode parecer desnecessário estar constantemente preocupado em jogar um jogo que tem as regras atualizadas de tempos em tempos, mas se preocupar com SEO é fundamental para uma estratégia de Inbound Marketing.

Seu principal objetivo é mostrar que o seu conteúdo é o mais relevante sobre determinado assunto. Um trabalho consistente de SEO busca colocar o conteúdo no centro do palco.

On-page x Off-page

Você certamente já ouviu falar sobre SEO On-page e SEO Off-page, mas sabe quais as diferenças entre os dois?

O SEO On-page diz respeito ao que está dentro da sua página. Elementos como: palavra-chave, meta descrição, alt text, title tag, estrutura das URLs, linkagens internas, velocidade de carregamento, etc.

Ou seja, são elementos que podem ser previstos, planejados e otimizados com facilidade, uma vez que você tem acesso total a eles.

Já os elementos do SEO Off-Page são aqueles que estão fora do seu site, como autoridade de domínio, menções de marca e backlinks.

SEO On-Page

Palavra-chave

A espinha dorsal dos conteúdos deve ser a palavra-chave. Escolher uma keyword relevante para sua persona e com um bom volume de buscas é fundamental.

Uma vez escolhida, ela deve aparecer no título e ao longo do artigo, tanto em correspondência exata como correspondência semântica.

Quer mais dicas de SEO para construção de conteúdo? Confira nosso infográfico!

Imagens

A otimização de imagens para SEO não ajuda somente no ranqueamento do seu artigo, mas também pode conseguir um ranqueamento nos resultados da busca por imagens!

Algumas das boas práticas de SEO para imagens incluem:

  • Nomear o arquivo com a palavra-chave;
  • Configurar o alt txt da imagem (também com a palavra-chave);
  • Não exagerar no tamanho das imagens.

Link Building

Essa estratégia consiste em criar linkagens internas no seu blog, recomendando outros artigos relacionados.

Além de melhorar o rankeamento das páginas, ela contribui para um maior engajamento do visitante com o site – o que reflete diretamente em métricas como o tempo de permanência e taxa de rejeição.

Para uma estratégia de linkagens eficiente é fundamental entender como os conteúdos se relacionam e indicar conteúdos que realmente complementam a informação para o leitor.

URLs amigáveis

URL amigável é aquela URL que é fácil de compreender. Por exemplo:

https://www.conexorama.com/inbound-marketing/

Enquanto uma URL não amigável seria algo assim: https://www.conexorama.com/?p=25

Velocidade de carregamento

Os mecanismos dos buscadores sempre tentarão entregar ao usuário uma boa experiência. Ou seja: a melhor resposta para a sua pergunta, da melhor forma possível.

Quando falamos de um usuário cada vez mais presente em dispositivos móveis e com cada vez mais pressa, precisamos levar em conta também a responsividade das páginas e a velocidade de carregamento.

E, se pensarmos mais a fundo, uma página demora mais para carregar pois tem informação demais, certo? Então também leva mais tempo para que o crawler – o robozinho do Google  – escaneie a página e identifique a relevância das informações.

Ferramentas como o Google Page Speed Insights avaliam o tempo de carregamento (tanto em dispositivos móveis como em desktop) e oferece sugestões de ajustes para melhorar a nota do seu site.

SEO Off-Page

Autoridade de domínio

A autoridade de domínio – ou DA (Domain Authority) – é uma métrica que diz sobre a importância de um determinado domínio.

Medida numa escala de 0 a 100, a nota avalia pontos como:

  • Idade do domínio;
  • Reputação do site;
  • Quantidade de backlinks;
  • Qualidade dos inbound links.

Assim como todos os outros aspectos de SEO, não deve ser avaliado sozinho; mas servir como indicador de como seu domínio “aparece” para os buscadores.

Backlinks

Considerado por muitos o braço mais importante do SEO Off-Page, os backlinks são aquelas linkagens de outros sites para as suas páginas.

Esses links funcionam como um voto de confiança, que ajuda os mecanismos de busca a entender a relevância da sua página.

Mas quando falamos de backlinks não estamos falando apenas sobre a quantidade de links, mas também fatores como sobre a Autoridade de Domínio dos sites que carregam estes links, a relevância em relação ao assunto e o texto âncora para o link.

O que é mais importante?

Como falamos anteriormente, é cada vez mais importante pensar SEO como um guarda-chuva de estratégias.

É evidente que temos um controle muito maior sobre os elementos de SEO On-Page, então é natural que os esforços se concentrem neste ponto. Mas é importante entender que as duas estratégias andam lado a lado na hora de construir a autoridade da página.

Você gostou do nosso artigo? Compartilhe nas Redes Sociais!

Ana Paula Agostini

Planner Analyst em Conexorama
Uso mais de 30 filtros porque não sei lidar com e-mail bagunçado.
Ana Paula Agostini