Blog, Google Analytics,

GTM: o que é o Google Tag Manager e como funciona?

Por André Ramos em 18 de março de 2020
Leitura de 4 minutos

No dia 01 de outubro de 2012, o Google lançava uma ferramenta gratuita que iria facilitar muito a vida dos analistas de marketing e desenvolvedores web: o Google Tag Manager (GTM).

De lá para cá, a ferramenta ganhou updates e otimizações no padrão já conhecido do Google: simplicidade e transparência.

Diferente de outras plataformas, como o LinkedIn Ads e o Facebook Ads, por exemplo, em que suas APIs são restritas, às vezes parecendo mais uma caixa preta de difícil acesso, o Google tem como princípio democratizar o acesso a suas APIs e tornar as ferramentas cada vez mais leves e simples, se apoiando numa rede de devs que podem se beneficiar e criar soluções complementares.

Essa abertura é bem visível com as extensões do Google, com o Google Play Store, com o Google Ads e também com o Google Tag Manager, também conhecido como GTM.

Neste artigo, vamos trazer uma definição de GTM, algumas aplicações e como você pode criar sua conta do zero e já testar as funcionalidades do Gerenciador de Tags do Google na sua estratégia de marketing digital. Boa leitura!

Afinal, o que é o Google Tag Manager (GTM)?

Em poucas palavras, o GTM é o gerenciador de tags que o Google disponibiliza para publicar certos códigos de rastreamento dentro do website de uma maneira rápida, simples e com efeito em massa, trazendo escalabilidade.

Basta instalar uma única vez o código do GTM no <head> e <body> do seu site que um oceano de possibilidades abrem para você.

Sabe aquele código html que você precisa inserir no seu site para funcionar uma ferramenta que você contratou?

Então, ao invés de ter que fazer a instalação página por página do seu Ecommerce, por exemplo, você insere uma única vez o código dentro do seu GTM que ele replicará para todas as páginas do seu site.

A integração que o GTM oferece é muito vasta, desde o Google Analytics até mesmo integração com plataformas de Ecommerce são oferecidas.

O ganho de tempo que você tem ao utilizar o GTM é gigantesco, sem falar no fato que você também aumenta o controle das tags do seu site.

GTM para Mídia Paga

Apesar do GTM te trazer inúmeras possibilidades de criação e publicação de TAGs, empresas que fazem investimentos de Mídia Paga podem aproveitar o máximo que o Gerenciador oferece.

Via de regra, todas as plataformas de mídia paga, como o Facebook, Instagram, Google, Linkedin, Twitter, e outras, disponibilizam um pixel (código em javascript) que acumula dados dos visitantes dos sites em que são instalados.

Graças ao pixel instalado no site do cliente, um banco de dados é criado e alimentado com informações relevantes para as campanhas de Ads.

É o famoso machine learning que permite buscar padrões de comportamento de visitantes, além de registrar ações e/ou eventos dentro do site no qual o GTM foi instalado.

Confira algumas informações que podem ser coletadas por meio da instalação dos pixels dos canais de Mídia Paga:

  • Informações sobre os visitantes do site;
  • Rastreamento de conversões, como leads e vendas;
  • Canal de origem da visita/conversão;
  • Perfil dos visitantes do site;
  • Comportamento dos visitantes do site.

Em outras palavras, o GTM viabiliza a atuação do pixel porque permite a instalação do código em todas as páginas ou naquelas URLs específicas seguindo regras estipuladas.

Como começar com o GTM

O primeiro passo para começar a utilizar o Gerenciador de Tags do Google no seu site é criar uma conta neste link.

Após criar a conta, você deverá nomeá-la e também nomear o contêiner que por padrão é o domínio do site que receberá o GTM.

configurar conta GTM

Em seguida, você deverá instalar o GTM no seu site.

Você encontra as instruções e o código no Painel Administrativo da conta.

Painel Administrativo da conta

 

Seguindo as orientações, em poucos minutos você terá o seu GTM-XXXXX instalado em todas as páginas do seu site e, a partir desse momento, você poderá publicar tags em todo o domínio ou nas urls que você estipular.

gerenciador de tags

Agora que você sabe as vantagens de utilizar o GTM para o seu negócio, o passo que te levará para o próximo nível é testá-lo.

Se você tiver dúvidas durante o processo, a Central de Ajuda do Google pode te ajudar.

Queremos te ouvir! Comente abaixo sua experiência com o GTM e quais os próximos temas relacionados ao Google Tag Manager que você gostaria de ver tratados em detalhe aqui no nosso blog 🙂

Você gostou do nosso artigo? Compartilhe nas Redes Sociais!

André Ramos